Campanha proposta por Ligabó para tentar reduzir faltas em consultas é aprovada

Um dos fatos observados durante o Mapeamento de Unidades Básicas de Saúde, realizado pelo vereador e médico Dr. Wagner Ligabó entre 2017 e 2018, foi que na maioria das UBSs a quantidade de pessoas que faltam às consultas ultrapassa 25%, chegando a 30% do total de consultas agendadas. Para aconselhar a população a respeito da importância de avisar quando não puder comparecer a uma consulta, o parlamentar propõs nesta terça-feira (23), em forma de projeto de lei, uma campanha permanente de conscientização, que foi aprovada pela maioria dos vereadores.

O percentual de faltas é muito grande. Pensando em 30%, que é uma média não oficial mas bastante fidedigna, isso significa que se uma UBS atende oferece 50 vagas de consultas médicas por dia, 15 delas ficam vagas devido ao não comparecimento dos pacientes”, explica Ligabó.

Conscientizar a população sobre a necessidade de avisar quando não puder comparecer a uma consulta é fundamental para o bom funcionamento do sistema de saúde no município. E não apenas falando a respeito de Unidades Básicas de Saúde, mas também sobre consultas no NIS (Núcleo Integrado de Saúde) e em outros equipamentos. Infelizmente com a grande quantidade de trabalho e um número cada vez mais reduzido de efetivo, fica difícil confirmar a presença do paciente no dia anterior à consulta. Portanto o mais importante é que as pessoas lembrem de avisar caso não possam ir.

Esse aviso precisa ser feito o quanto antes. Mas sabe aquela história do feito é melhor que perfeito? Pois é, se você não conseguiu avisar com uma semana de antecedência, avise no dia anterior, avise no mesmo dia que seja, mas avise. Sempre há uma lista de pacientes esperando uma vaga ou um encaixe de urgência”, completa o vereador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *